Energia eólica brasileira sobe no ranking mundial de geração

O Brasil tem os melhores ventos do planeta

A geração de energia eólica foi, em agosto, responsável por 10% de energia da matriz elétrica brasileira, com 5.825 MWmédios, de acordo com a Câmara de Comercialização da Energia Elétrica (CCEE) e o Ministério de Minas e Energia (MME). Outro dado relevante é que o Brasil subiu mais uma posição e assumiu o sétimo lugar entre os países com maior geração de energia eólica no mundo, ultrapassando o Canadá, que caiu para a oitava posição. Os dados são do “Boletim de Energia Eólica Brasil e Mundo – Base 2016” produzido pelo MME. Saiba mais, clique.